logo colégio maxi
Agende uma visita
Menu

Ensino Híbrido e BNCC definem rumos do planejamento pedagógico

Atividade de suma importância para o planejamento das ações para o ano letivo, a Semana Pedagógica 2021 do Colégio Maxi passou por mudanças significativas de conteúdo, orientadas pela pandemia de Covid-19 e novas normativas relacionadas à educação básica. Ganharam ênfase temas como Acolhimento, Ensino Híbrido e Base Nacional Comum Curricular (BNCC), além de novidades como a plataforma Jovens Gênios.

“O professor também foi atingido por todo o contexto da pandemia, viveu o isolamento social, também sofreu perdas de pessoas próximas, queridas. Fizemos esse acolhimento emocional para que ele pudesse fazer o mesmo com os alunos”, explicou o diretor do Colégio Maxi, professor Carlos Leão. O advento da Covid-19 também trouxe a necessidade de aplicação de novas sistemáticas de aula, com a adoção do Ensino Híbrido, cujo tema foi abordado remotamente pelo especialista em tecnologias educacionais Leandro Holanda, autor de livros sobre o assunto.

A ideia, explica o diretor, foi buscar meios de fazer com que o ensino mediado pela tecnologia proporcionasse aulas mais potentes e aprendizagem ainda mais significativa diante dos obstáculos que pudessem surgir nessa modalidade de ensino. Segundo ele, está muito claro que nas aulas presenciais a escola consegue fazer um acompanhamento próximo da postura do aluno e atenção às aulas. Então, o trabalho seguiu também no sentido de estimular um olhar mais atento dos pais e a autonomia responsável dos estudantes, afinal boa parte não pode contar o dia inteiro com a supervisão do responsável.

“Nós temos procurado driblar isso com aulas mais potentes, fazendo um chamamento aos alunos para que eles possam atentar para esse processo de aprendizagem. Além disso, ao longo do primeiro semestre intensificamos o acompanhamento da aprendizagem por meio de um sistema avaliativo bastante eficiente”, salienta o diretor.

Segundo ele, isso faz parte do desenvolvimento socioemocional que o Colégio Maxi busca promover nos alunos. “Claro que tem a excelência acadêmica, os múltiplos conhecimentos que trabalhamos e as soluções educacionais, como a plataforma educacional Plurall, o Jovens Gênios no fundamental, o Stoodi no terceiro ano, todo esse aparato, que são relevantes nesse sentido, mas procuramos trabalhar de maneira muito intensa a forma como eles lidam com as próprias emoções e se relacionam com as outras pessoas”, frisa.

Outro ponto que ganhou destaque neste primeiro semestre foi a BNCC. “Ela está implantada no Ensino Fundamental, inclusive com um material que já faz a interface com todas as habilidades da base, e no Ensino Médio nós estamos vivenciando o processo de construção da nossa proposta curricular para 2022, que é o novo Ensino Médio. Quando eles poderão fazer a escolha de seus itinerários formativos, conforme estabelece a legislação”.

Os professores têm elaborado sequências didáticas a partir da discussão que foi feita. “A equipe pedagógica, composta por coordenadores, fez curso de formação durante todo esse primeiro semestre para em seguida replicar os conhecimentos adquiridos com os professores. O objetivo é fazer uma atualização do nosso projeto pedagógico adequando-o à BNCC e ao propósito do novo ensino médio”, finaliza Leão.

 

 

Postado porPau e Prosa

Postado em5 de julho de 2021


Palavras chave:

Leia mais

Ver todasclique para conhecer mais
receba nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba as últimas novidades por e-mail

entre em contato

Entre em contato

Entre em contato que nós iremos responder assim que possível.

Copyright © | - Todos os Direitos Reservado por

Termos de Uso|Politica de Privacidade
Ligarclique para ligar