Blog

Jornada Vitoriosa de Redação do Colégio Maxi faz preparação final para ENEM

 

 

Como já se tornou tradição, o Colégio Maxi realizou nesta sexta-feira (11 de novembro) a “Jornada Vitoriosa de Redação”, um momento que une revisão de conteúdos, dicas importantes, lazer e relaxamento que serão determinantes no bom desempenho durante o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Vários professores se reúnem com os alunos e abordam diferentes aspectos relacionados não só ao redacional, mas de temáticas que podem ser abordadas e da necessidade de um bom equilíbrio emocional.

 

Coordenador da Jornada, o professor de Redação José Benedito do Nascimento Neto, mais conhecido como Neto, ressalta que o evento do Maxi, diferente dos “aulões de redação”, procura ser mais amplo, com a participação dos professores de Linguagens. “Nós acreditamos que a Literatura é importante para a redação, que a gramática é importante, que cada professor tem um conhecimento específico de textos e temas que podem contribuir para essa construção de repertório, de orientação final para os alunos”, diz ele.

 

Além disso, acrescenta, tem uma função terapêutica também. “O aluno recebe esse abraço, ele é acolhido, isso valida todo o esforço não só do 3º ano, que é minha grande preocupação, mas da jornada toda. Do ensino médio que culmina no terceiro ano e nessa prova”. Claro que existe a questão técnica, mas a ideia é que seja um momento lúdico, salienta. “A prova do Enem não é só uma questão técnica, tem ali o preparo físico, a saúde mental, que precisam estar em dia. É um momento que a gente destrava muitas questões emocionais. Para nós é um momento muito importante”.

 

Os conteúdos abordados são os mais variados. A professora Edilene Fernandes, de Gramática, que também é advogada, além de falar sobre truncamento e justaposição, oração coordenada e subordinada, tratou de preceitos constitucionais como os direitos sociais, Declaração Universal dos Direitos Humanos, princípios como os da dignidade da pessoa humana e da igualdade. Tudo para que eles “possam utilizar isso da melhor maneira possível, seja para questões relacionadas à educação, política, de acesso”.

 

Aline Santos, professora de Redação, ressalta que o eixo de Direitos Sociais e Dignidade Humana é bastante amplo e aborda uma série de questões, sendo um dos que mais cai no Enem, daí a importância de trabalha-lo com os alunos. “Então, nós trazemos repertórios que envolvem o direito a moradia, segurança, maternidade, proteção à infância. Para que eles cheguem munidos no Enem caso caia um tema como esse, ou que envolva esse eixo”, observa.

 

A professora de Língua Portuguesa Glauce Anunciação falou especificamente sobre Gramática e interpretação de texto. “Gramática especificamente não cai, mas é fundamental que o aluno saiba entender a importância de uma classe gramatical para a percepção do sentido do texto, a construção do sentido do texto. E também é fundamental entender os elementos coesivos como pronomes e conjunções para garantir a progressão textual. Tanto na redação que eles vão produzir quanto na análise dos textos da prova objetiva”, explica.

 

Ana Helena, professora de Literatura e Artes, lembra que a Jornada ocorre desde 2018 e marca a conclusão de um trabalho que de preparação realizado ao longo do ano todo. A participação dela foi no sentido de tratar da arte e da cultura junto com questões políticas. “Foi bem interessante porque as pessoas tem muitas mistificações sobre leis de incentivo. Não entendem quanto a arte precisa de patrocínio. Não existe arte se não tiver incentivo. Foi legal porque desmistificamos muita coisa”, comemora. Para além do conteúdo, Ana Helena ressalta o aspecto humano do evento. “Acho muito importante esse tipo de atividade extra classe, porque além de promover o encontro entre os alunos de várias classes, você consegue chegar neles de uma forma que não seria possível durante as sulas. Podemos abraçar, conversar, perguntar como estão”, exemplifica.

 

Alunos enaltecem a iniciativa

 

Para Diego Feguri, do 3º Ano A, a jornada é um evento muito especial que o Maxi realizada para os alunos, ampliando o acesso a informações pertinentes sobre a redação do Enem. “E não só isso, mas também para que a gente se sinta muito mais relaxado, mais tranquilo diante do iminente dia que vem por aí. Porque o dia do Enem é bastante pesado. Tem que ter um bom emocional. O Maxi trabalha bastante também essa parte que é fundamental para o grande dia”, diz.

 

Laura Isabele Teizen, do Extensivo, reforça essa visão. “O Maxi está nos proporcionando uma questão que vai muito além do pedagógico e que nos tem auxiliado enquanto pessoas que temos dificuldades, limitações. Então está sendo sensacional. Além de estar nos oferecendo uma bagagem instrucional gigantesca, principalmente para a redação, tem nos proporcionado um momento de descontração fenomenal que tem feito muita diferença”, opina.

 

A jornada também foi bastante elogiada pelo colega do Extensivo Rafael Moreira Bezerra Pinto. “A semana de preparação está sendo muito boa, principalmente para revisar conteúdo. Eles dão muito apoio e nos fortalecem muito mais para o Enem. Essa jornada é incrível, gostei muito, inclusive do lanche gratuito, as interações com dança, música. “A gente conseguiu se distrair um pouco, ficar menos nervoso”, garante o estudante que pretende passar para Medicina.

 

Não faltou também uma mensagem, via vídeo, do diretor Carlos Leão, que desejou a todos uma excelente prova nos dois próximos domingos. “Mandando boas energias para que nós façamos desse Enem a nossa melhor experiência. Tenham todos uma excelente prova, acima de tudo. Tenho certeza de que vocês tiveram a melhor formação. Foram longos anos de provas aos sábados, simulados aos domingos, provas de preparação. Valeu a pena? Tudo vale a pena se a alma não é pequena! Em breve estaremos juntos nas comemorações dos aprovados”, projetou.

 

 

Pesquisar

Posts Populares

Assine nossa newsletter e receba as últimas novidades: